Turbante afro: filosofia, moda e atitude Conheça as amarrações que vêm fazendo a cabeça das mulheres há séculos.

Uma das muitas heranças que a cultura africana nos deixou de presente é o uso do turbante.

No continente africano, o turbante com seus vários tipos de amarrações não só compõe o visual da mulher, mas também indica posição social e religiosa e origem tribal.

Turbantes -deusas_Collage

Fora da África o acessório se popularizou nas décadas de 1950 e 1960, quando passou a ser usado por grandes divas do cinema como Greta Garbo e Carmem Miranda. Em 1996, a Rainha Elizabeth II aderiu ao turbante durante um tour às Western Islands.

turbante-elisabeth_Collage

Em 2007 foi a vez da Prada levar o turbante para suas passarelas. Três anos depois, a personagem Carrie Bradshaw, símbolo de estilo e empoderamento feminino, arrasou com um modelito no filme ‘Sex and the City 2′. Outras famosas, brasileiras e gringas, desfilam com beleza e elegância seus turbantes africanos.

turbante-famosas_Collage

Até hoje o turbante afro é visto como símbolo de religião, moda e atitude entre as mulheres negras. Para muitas é uma filosofia, um modelo de representatividade da nossa identidade visual.

Foto: Thales Lima
Foto: Thales Lima

Para quem não sabe por onde começar, o que não faltam são tutoriais no YouTube e oficinas promovidas por grupos e empresas como o salão de beleza Iporinchê, da minha amiga Cássia Marinho, o Duquesas Turbantes e o Yalodê, Eles ensinam como fazer as amarrações poderosas e mantêm vivas as tradições dos nossos ancestrais.

turbantes - oficinas_Collage

turbante-fashion2_Collage

turbante-fashion_Collage

Agora é só escolher o seu estilo preferido – liso, estampado, bordado – e fazer a sua amarração. Arrase!

Compartilhe

2 comentários em “Turbante afro: filosofia, moda e atitude Conheça as amarrações que vêm fazendo a cabeça das mulheres há séculos.

  1. Sônia Maria Menezes Pinto
    24/11/2015 at 12:56

    Meus turbantes são minhas coroas!

    • Ana Paula Macedo
      24/11/2015 at 14:27

      Como bela rainha que é, turbante é indispensável.
      Bjs,
      AP

Deixe um comentário

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com