Organizando a casa

Adorei a definição de desordem dada pelo escritor Leo Babauta, do site Zen Habits. Ele diz que manter a desorganização e o acúmulo de coisas é uma questão de procrastinação.

Já reparou que tem sempre um culpado que nos impede de organizar a bagunça, seja ela da casa ou da nossa vida? Pode ser o excesso de trabalho, o cansaço, os compromissos com família e amigos, e por aí vai.

O problema é que a gente tenta resolver o problema todo de uma vez só e isso fica pesado tornando a tarefa quase impossível. Mas quando atacamos a desordem em partes, o resultado final pode ser uma maravilha. A casa fica mais leve, com menos distrações e menos coisas para limpar e manter. Sem contar na economia que fazemos parando de comprar quinquilharias, de acumular.

Mas como se livrar da desordem?

O Leo estabeleceu um guia de como começar a organizar a casa. Claro que pode levar meses para terminar, mas, segundo ele, cada passo do processo pode ser divertido e libertador.

Getty Images

1. Comece devagar
O ideal é focar em um espaço pequeno para começar. Um balcão da cozinha, a mesa de jantar ou uma prateleira do armário, por exemplo. Tire tudo do lugar e só coloque de volta, ordenadamente, o que você realmente precisa. Livre-se do resto – doe, venda, recicle. A limpeza e seleção dos itens levam uns 10 minutos.

2. Trabalhe em partes
Quando você começa devagar e vê resultado, se sente bem com isso. É como aquela velha piada: “–Como você come um elefante? –Um pedaço de cada vez.” Continue trabalhando em uma pequena área ou faça coisas que levem apenas 10 minutos por dia. Se sentir vontade, faça mais. Se você tiver um dia livre no fim de semana, passe uma tarde arrumando. Passe o fim de semana inteiro se quiser! Não há necessidade de se apressar. O importante é manter o progresso.

3. Siga um método simples
Para cada área selecionada, limpe o local e coloque tudo em pilhas. Tome uma decisão quanto ao que estiver fora das pilhas. Pergunte a si mesmo: Eu uso isso? Se não, livre-se dele. Se a resposta for sim, encontre um lugar. Trabalhando rapidamente e tomando decisões rápidas, você pode separar tudo em cerca de 10 minutos (dependendo do tamanho da pilha, é claro).

4. Coloque as coisas na mala do carro
Depois de separar o que é para doar ou dar de presente, coloque tudo em caixas ou sacolas e ponha no porta-malas do seu carro (se você não tem um carro, deixe em algum lugar perto da porta de saída). Despache tudo e aproveite o espaço vazio.

5. Fale com todos envolvidos
Se você tiver marido, esposa, companheiro(a), crianças ou outras pessoas que vivam com você, eles serão afetados quando você começar a organizar a casa. Fale com eles antes de começar. Assim eles vão entender e participar no processo decisório. Não seja insistente, não tente forçar, mas tenha uma conversa explicando a razão da arrumação. Caso eles resistam, tente mexer nas coisas que você pode controlar (seus bens pessoais, por exemplo) e veja se a sua atitude não os inspira a começar uma mudança.

6. Observe a sua resistência
Às vezes você não vai querer se livrar das coisas ou não vai sentir vontade de tocar nelas naquele momento. Esta resistência é importante observar — é a sua mente querendo correr do desconforto ou racionalizar as coisas. Você pode ceder para a resistência, mas preste atenção no peso emocional que dá aos objetos. Uma foto de um ente querido, um presente de um membro da família, uma lembrança de um casamento ou uma viagem, um item precioso de um avô morto. Essas coisas não contêm realmente as memórias ou amor que achamos que têm em si mesmas. Praticar o desapego das coisas enquanto guardamos o amor é uma boa prática. E lutar contra a desordem também é um exercício incrível.

7. Aprecie o processo
O perigo é começar a ver a organização como mais uma tarefa na sua lista de afazeres. Se fizer isso, você vai procrastinar. Então, veja como uma prática libertadora e de conscientização. Sorria enquanto arruma. Concentre-se na sua respiração, no seu corpo, no movimento que faz ao manejar os itens ao redor, nos seus sentimentos sobre os objetos.

decluttering4
Cada coisa no seu lugar

 

Meu desafio
Desde que que me mudei para a casa nova, ainda não consegui organizar o escritório! Logo o escritório onde passo uma boa parte do meu dia trabalhando. Então, decidi aproveitar as férias e atacar o problema no mês de julho.

decluttering2
O antes e o depois

 

Vem comigo?
Caso você esteja passando pelo mesmo, junte-se a mim. Acho muito melhor encarar um desafio na companhia de outras pessoas. Pode funcionar como um grupo de apoio que se ajuda e dá força nas horas difíceis.

Podemos postar fotos do progresso no Instagram usando a hashtag #desafiodobalaio e tirar dúvidas aqui nos comentários deste post.

Então, preparados? O desafio foi lançado e começamos amanhã.

Boa sorte e força!

Compartilhe

Você também pode gostar

2 comentários em “Organizando a casa

  1. Anonymous
    30/06/2014 at 15:54

    Muito boa dica. Vou aproveitar.

Deixe um comentário

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com